Moda do recrutamento via LinkedIn pega no Brasil

Google Imagens

No mês de março, o LinkedIn comemorou 3 milhões de inscritos só no Brasil. No mundo são mais de 100 milhões de pessoas que disponibilizam suas informações profissionais na rede. Segundo dados divulgados pelo site, 73 das 100 maiores companhias americanas utilizam suas ferramentas de recrutamento. A moda já está pegando no Brasil e várias empresas começaram a utilizar a rede social para auxiliar a seleção de candidatos.

Cristian Gallegos, diretor da Tecla Internet, empresa especializada em cloud computing e hosting na internet, conta que desde o início deste ano começou a publicar vagas no perfil da companhia no LinkedIn com objetivo de encontrar novos colaboradores. Para o empresário, a praticidade e o custo mais baixo são as principais vantagens da ferramenta. “É muito simples de usar e gera um retorno muito rápido.”, diz ele.

Reputação on-line
Segundo Márcia Almström, executiva de recursos humanos da Manpower Brasil, o resumo da experiência profissional conta muitos pontos no perfil de um candidato. É nesse espaço que o profissional pode, de forma resumida, mostrar para o recrutador qual tipo de função desempenhou em cada empresa. “O resumo com o histórico de carreira é o que mais chama atenção, e é importante que as informações sejam claras e objetivas.”

Além de ter um perfil completo é importante que as informações sejam adequadas ao mundo corporativo. Por isso, nem pense em adicionar uma foto de biquíni naquela praia linda das últimas férias. Apesar de ser uma rede social, o Linked In é uma ferramenta de uso profissional, não pessoal.

 

Fonte: clickcarreira

Clube do RH

O Clube do RH surgiu das necessidades e desejos de um grupo de profissionais de Recursos Humanos que sentiam a necessidade de falar de gente, entender gente e desenvolver gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest