Giraffas abre 420 vagas de emprego em vários Estados

Google Imagens

A rede de restaurantes Giraffas está selecionando candidatos para 420 vagas de emprego em diversas regiões do Brasil. Ao todo, 14 unidades estão com processo seletivo para os cargos de atendente, encarregado e gerente nos Estados de Rondônia (Cacoal), Goiás (Niquelândia), São Paulo (capital, Jundiaí, Santo André, Mogi Guaçu e São José do Rio Preto), Rio de Janeiro (capital e Niterói), Maranhão (São Luís e Imperatriz), Ceará (Fortaleza) e Pernambuco (Recife).

Para as vagas de atendente e encarregado será dada preferência às pessoas com disponibilidade de horário, que gostem de trabalhar com público e que sejam dinâmicas. Já as vagas gerenciais necessitam que os candidatos tenham ensino médio completo e é desejável que tenha tido vivência no ramo de fast food, entretenimento, refeições coletivas ou varejo; é solicitado também conhecimento de informática, disponibilidade de horário, dinamismo, organização e experiência anterior com gerenciamento de equipes e estoques.

É imprescindível ser maior de 18 anos. Os candidatos do sexo masculino precisam ter certificado de reservista.

O processo seletivo consiste em testes de matemática, redação, informática, testes situacionais, dinâmicas de grupo e entrevistas individuais.

A carga horária varia de acordo com o cargo.
Entre os benefícios, o Giraffas oferece: vale-transporte, refeição no local e uniforme.

Os interessados nos postos de trabalho devem encaminhar os currículos para o e-mail respectivo ao local no qual deseja trabalhar:

Rondônia (Cacoal): [email protected]
Goiás (Niquelândia): [email protected]
São Paulo (capital, Jundiaí, Santo André, Mogi Guaçu e São José do Rio Preto): [email protected]
Rio de Janeiro (capital e Niterói): [email protected]
Maranhão (capital e Imperatriz): [email protected]
Ceará (Fortaleza): [email protected]
Pernambuco (Recife): [email protected]

Via: Guarulhos Online

Clube do RH

O Clube do RH surgiu das necessidades e desejos de um grupo de profissionais de Recursos Humanos que sentiam a necessidade de falar de gente, entender gente e desenvolver gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest