Como monitorar o funcionário para um melhor feedback

A solução pode ser iniciada na reunião de feedback, mas os resultados só vão ocorrer na prática. Este passo extrapola a situação de reunião e deverá compor-se de pontos de controle – quando e o que deverá ser checado na ação. Veja algumas dicas de como fazê-lo:

1. Feedback é uma ação de treinamento – Fique atento aos movimentos. Faça o seu subordinado perceber que poderá contar com a sua ajuda;

2. Seja flexível – Lembre-se de que todo plano é sujeito a mudanças e adaptações. Monitore esse processo. É muito mais fácil para a chefia perceber necessidades de mudança;

3. Se possível, crie uma ficha de acompanhamento – O dia a dia nos tira a concentração e a lembrança de pontos importantes. Um bom acompanhamento é uma ferramenta fantástica para monitoramento;

4. Se achar conveniente e a sua estrutura permitir, desenvolva reuniões de feedback. É uma oportunidade muito interessante e, no decorrer do processo, poderá tornar-se um excelente recurso de acompanhamento e gestão, além de facilitar nosso monitoramento;

5. Feedback não se configura uma reunião de devolução dos resultados da Avaliação de Desempenho. Este é um momento importante e determinado. Mas é na prática, no dia a dia, que esse recurso alcança maior eficácia.

 

Fonte: RH Central

Clube do RH

O Clube do RH surgiu das necessidades e desejos de um grupo de profissionais de Recursos Humanos que sentiam a necessidade de falar de gente, entender gente e desenvolver gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest