Autonomia no trabalho

Google Imagens

58% dos profissionais brasileiros necessitam de autonomia no ambiente de trabalho e se sentiriam mais à vontade para trabalhar de maneira independente. Esse é o resultado de uma pesquisa realizada pela consultoria Fellipelli, que contou com a participação de 300 profissionais. A pesquisa tem como base a aplicação do Birkman, instrumento que mede a percepção individual da realidade, o que revela os interesses profissionais e tendências comportamentais.

De acordo com a pesquisa, 75% das pessoas demonstraram atuar em prol dos interesses coletivos e apresentaram mais facilidade em trabalhar em equipe. Ao todo, 44% dos profissionais apresentam necessidade de obter vantagens e reconhecimentos individuais, contra 1% que realmente age de modo mais competitivo no convívio social. Do total de indivíduos que aparenta acreditar que a recompensa coletiva é mais importante que a individual, apenas 17% precisam realmente de um ambiente idealista e voltado ao bem comum para se sentirem motivadas.

Para a psicóloga e sócia-diretora da Fellipelli, Adriana Fellipelli, o que justifica esses resultados é o fato de a maioria das pessoas se mostrar solícita ao trabalho em equipe, o que é inevitável dentro de um organização, além de trazer resultados positivos para os negócios

Fonte: RHCentral

Clube do RH

O Clube do RH surgiu das necessidades e desejos de um grupo de profissionais de Recursos Humanos que sentiam a necessidade de falar de gente, entender gente e desenvolver gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest