70% dos brasileiros estão estressados

Estressado

Um Estudo da representação brasileira da International Stress Management Association (Isma-BR), uma associação dedicada à prevenção e estudo do estresse, indica que 70% da população economicamente ativa no Brasil está estressada. Medo da demissão, pressões dos superiores, alta competição, busca de lucro e eficácia, falta de valorização, baixos salários e, em algumas profissões, o risco de morte, deixam trabalhadores apavorados.

O esgotamento físico e mental, conhecido por estresse, é consequência dessas condições de trabalho. Diante desse quadro, o trabalho que deveria ser fonte de prazer e satisfação, passa a ser local de dor e sofrimento.

Além de causar prejuízo à saúde e às empresas, o estresse representa um gasto adicional à Previdência, que até junho deste ano desembolsou R$ 147 milhões em auxílio-doença para portadores desse tipo de distúrbio.

Pessoas que ocupam cargo de gerência costumam trabalhar, em média, 13 horas diárias. Muitos se sentem intimidados em sair do trabalho no horário correto. Com jornadas cada vez mais extensas o profissional se sente culpado por não conviver com seus familiares, ou por não realizar outras atividades.

É preciso desmistificar a ideia de que é positivo ter profissionais multitarefa, porque isso causa desgaste e aumenta a margem de erros.

 

Fonte: RH Central

Clube do RH

O Clube do RH surgiu das necessidades e desejos de um grupo de profissionais de Recursos Humanos que sentiam a necessidade de falar de gente, entender gente e desenvolver gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest